A linguagem de programação AWK (Sim é uma linguagem) foi criada em 1977 pelos cientistas Alfred Aho, Peter J. Weinberger e Brian Kernighan no laboratório Bell Labs. A palavra AWK é uma abreviatura das iniciais dos sobrenomes dos criadores da linguagem (Aho, Weinberger e Kernighan).

A linguagem é interpretada linha por linha e tem como principal objetivo deixar os scripts de Shell mais poderosos e com muito mais recursos sem utilizar muitas linhas de comando, podendo resolver infinidades de problemas do dia-a-dia do desenvolvedor nesses sistemas operacionais.

Problemática

Geralmente encontramos muita teoria, mas nada melhor que unir a teoria com a prática.

Vamos supor que você está encubido de enviar uma lista de todos os usuários do sistema. e esta lista pode ser encontrada no arquivo /etc/passwd mas este arquivo além dos nomes dos usuários também atribui diversos dados, como proceder?

Exemplo do arquivo /etc/passwd

root:x:0:0:root:/root:/bin/zsh
daemon:x:1:1:daemon:/usr/sbin:/usr/sbin/nologin
bin:x:2:2:bin:/bin:/usr/sbin/nologin
sys:x:3:3:sys:/dev:/usr/sbin/nologin

Prática

Bem, há um padrão neste arquivo, perceba que ele tem dois pontos (:) separando uma informação de outra, neste caso utilizaremos a seguinte linha com o awk

awk -F":" '{print $1}' /etc/passwd

O resultado é o seguinte:

root
daemon
bin
sys

Explicação

Bem, não se espante pois vou explicar agora:

  • awk Chama o comando
  • -F "" Especificar o separador dentro das aspas duplas
  • '{print $1}' há este campo realmente necessário para efetuar o print de algo '{ print }' e a variável $1 é o primeiro campo antes do separador, neste caso o nome dos usuários.
  • /etc/passwd O nome do arquivo a ser tratado.

Agora que você têm uma luz, vamos para outros exemplos

Exemplos:

Você pode visualizar mais de um campo incluindo mais de uma variável, no exemplo abaixo, listamos o campo do usuário com a variável $1 e o PATH com a variável $6

awk -F":" '{print $1 $6}' /etc/passwd

O resultado é:

root/root
daemon/usr/sbin
bin/bin
sys/dev

temos uma saída bacana, mas os dois campos estão juntos e podemos melhorar a saída adicionando o seguinte:

awk -F":" '{print "User:"$1 " PATH:"$6}' /etc/passwd

Entre aspas duplas antes da variável, pode escrever qualquer coisa, neste caso escrevi "User:" e " PATH:". A saída do comando é:

User:root PATH:/root
User:daemon PATH:/usr/sbin
User:bin PATH:/bin
User:sys PATH:/dev

Agora sim, está bem mais organizado não acha?

Enviando os dados tratados para um arquivo.

Já que sabemos tratar os dados do arquivo, vamos salvar estes dados em um arquivo e entregar o relatório pedido, é ridiculamente simples, basta acrescentarmos o caractere > após o comando e inserir o caminho e nome do arquivo que desejamos:

awk -F":" '{print "User:"$1 " PATH:"$6}' /etc/passwd > /home/$USER/relatorio.txt

Pronto, já temos o relatório para entragar que foi criado de forma simples, indolor e incolor.

Exemplo awk avançado

Agora vamos supor que você se depara com a seguinte problemática, precisa listar tudo que foi criado no ano de 2019 no diretório do usuário $USER façamos o seguinte:

ls -l /home/$USER | awk '{if ($8 == "2019") print ($0)}'

No comando acima listamos todos os arquivos do usuário com ls, utilizamos o pipe "|" para logo em seguida tratar a saída com o awk. Dentro do awk adicionamos uma condição if de que no campo $8 aprensente somente o que tiver 2019. A saída desde comando para mim foi:

[email protected]: ls -l /home/$USER | awk '{if ($8 == "2019") print ($0)}'
drwxr-xr-x  2 claudio claudio    4096 jul 15  2019 DevOps
drwxr-xr-x  3 claudio claudio    4096 jul 29  2019 Edraw
drwxr-xr-x  2 claudio claudio    4096 jan 30  2019 Modelos
drwxr-xr-x  2 claudio claudio    4096 fev 20  2019 Público

Para saber as sintaxes do comando awk, basta executar:

awk --help

Fontes: https://pt.wikipedia.org/wiki/AWK http://cesarakg.freeshell.org/awk-1.html

Postagem Anterior Proxima Postagem